23.5 C
Brasília
23.5 C
Brasília
quarta-feira, julho 17, 2024
spot_img

Veja o que fazer com os seus investimentos após a Selic, enfim, começar a cair

Especialistas aconselham diminuir a alocação em aplicações financeiras de renda fixa, especialmente títulos atrelados aos juros, e aumentar os aportes em investimentos de maior risco.

Após o começo de cortes da Selic, enfim, especialistas aconselham diminuir a alocação em aplicações financeiras de renda fixa, especialmente títulos atrelados aos juros, e aumentar os aportes em investimentos de maior risco. Aos conservadores que não gostam das oscilações da renda variável, a dica para ganhar mais são principalmente títulos atrelados à inflação.

Com a desaceleração da inflação, a autoridade monetária finalmente diminuiu a taxa básica de juros da economia nesta quarta-feira (2), em 0,50 ponto percentual, para 13,25% ao ano, depois da maior subida de juros em uma década. A decisão impacta a vida financeira dos brasileiros de duas formas: diminui o custo do crédito e o rendimento de aplicações financeiras de renda fixa.

Especialmente os títulos atrelados à Selic do Tesouro Direto e os papéis emitidos por bancos atrelados ao CDI (que acompanha a Selic), como CDBs, LCIs e LCAs, renderão menos a partir de agora.

Relacionados

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

Recentes