21.5 C
Brasília
21.5 C
Brasília
domingo, julho 14, 2024
spot_img

Renda do agronegócio brasileiro deve atingir R$ 1 trilhão em 2023

A renda agropecuária brasileira atingirá um marco de R$ 1 trilhão, destacando-se os R$ 647 bilhões provenientes do setor agrícola e mais de R$ 350 bilhões oriundos da pecuária. Esses números refletem a notável safra recorde de grãos e o aumento das exportações, reforçando a importância do agronegócio como pilar da economia do país.

O sucesso da agropecuária brasileira está intrinsecamente ligado à disponibilidade de recursos hídricos e solos propícios para pastagens. No entanto, especialistas alertam para as mudanças climáticas, que podem acarretar em escassez hídrica e impactar negativamente o setor.

A água desempenha um papel crucial na produção de bovinos, afetando diretamente sua saúde e, consequentemente, a qualidade da carne e do leite. Nesse contexto, a PWTech, uma startup reconhecida pela ONU por suas soluções humanitárias no acesso à água potável, enfatiza a necessidade de garantir a sustentabilidade hídrica na produção de bovinos.

Embora a pecuária no Brasil tenha se beneficiado da disponibilidade de água e solos adequados para pastagens, é fundamental adotar práticas sustentáveis que preservem os recursos hídricos. A água desempenha um papel vital no organismo dos animais, influenciando seu metabolismo, digestão, transporte de nutrientes e resíduos, entre outros processos essenciais.

A oferta adequada de água desde os primeiros dias de vida dos animais é crucial, pois qualquer atraso pode afetar suas necessidades hídricas e funções metabólicas. O consumo de água pelos ruminantes varia de acordo com diversos fatores, incluindo idade, estágio fisiológico, temperatura ambiente, alimentação e qualidade da água.

A qualidade da água é determinante, afetando o consumo e a aceitação pelos animais. É essencial que a água fornecida aos animais atenda aos padrões de qualidade equivalentes aos destinados ao consumo humano, conforme a Resolução CONAMA 357/2005. Algumas fontes de água, como açudes e lagoas, apresentam maior risco de contaminação e podem prejudicar a saúde e o desempenho do rebanho.

Portanto, garantir a qualidade e disponibilidade de água para a pecuária é essencial não apenas para a saúde dos animais, mas também para a qualidade dos produtos e a sustentabilidade ambiental da produção agropecuária brasileira. A gestão responsável dos recursos hídricos é fundamental para enfrentar os desafios futuros e manter o sucesso do setor.

Relacionados

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

Recentes