25.5 C
Brasília
25.5 C
Brasília
terça-feira, julho 16, 2024
spot_img

Áreas rurais de 24 municípios nordestinos terão acesso à internet de qualidade

Serão R$ 88,5 milhões para a construção de mais de mil quilômetros de rede de fibra óptica na Paraíba e no Rio Grande do Norte

Na última semana, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 88,5 milhões, para ampliar a internet de banda larga e os serviços de telecomunicações em 24 municípios do Nordeste. Oriundo do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust), o recurso aportado vai possibilitar a construção de mais de mil quilômetros de rede de fibra óptica em municípios prioritários da Paraíba e no Rio Grande do Norte, incluindo áreas rurais como parte das ações do Programa Rural+Conectado.

Desenvolvido pelo Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), em parceria com os ministérios do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) e das Comunicações (MCom) e BNDES, o Rural+Conectado é uma iniciativa do governo federal para ampliar a infraestrutura de conectividade nas zonas rurais, fomentando o desenvolvimento, a inclusão tecnológica e o aprimoramento da atividade agropecuária.

Gerido pela Secretária de Inovação, Desenvolvimento Sustentável, Irrigação e Cooperativismo do Mapa, o programa tem como objetivos melhorar o acesso à internet no campo, ofertar plataformas de conteúdos de qualidade para promover a inclusão tecnológica de produtores rurais e auxiliar no desenvolvimento de territórios com menor IDH, em todo o território nacional.

“Entendemos que esse investimento é de fundamental importância, pois vai possibilitar que os produtores rurais dos municípios atendidos tenham acesso à informação qualificada, à assistência técnica digital e a novas tecnologias, permitindo que a inovação chegue para quem mais precisa, comentou a secretária da SDI, Renata Miranda.

Segundo o diretor de Desenvolvimento Produtivo, Inovação e Comércio Exterior do BNDES, José Luis Gordon, as redes de acesso previstas neste projeto vão disponibilizar o uso de internet em fibra óptica a uma população de mais de 340 mil habitantes, promovendo o desenvolvimento econômico e social de municípios nordestinos.

Fonte: Mapa

Relacionados

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

Recentes